inMEMÓRIAS DE INFÂNCIA #1

Advertisements

Créditos da foto: retirada online.

Olá vaidoso’s, tudo em alta por aí?

A nossa aventura, nesta viagem que é a vida, tão fugaz, decidi dedicar este artigo, a memórias de infância.

Sabes aquela celebre frase, “A minha vida dava um livro”? É mais ou menos, esse o registo!

A memória de infância que vos quero contar, aconteceu comigo por volta dos oito ou nove anos e curiosamente, há dias li a mesma história, contada e vivida por outra pessoa.

Esta história, prende-se com a aprendizagem a andar de bicicleta, estão a ver que vem aí coisa bonita, não é?! Lembraste da primeira vez, em que começaste a aprender a andar de bicicleta?

Cresci no campo, numa aldeia de nome Bom-Vento, concelho do Bombarral, aqui bem próximo da capital, zona Oeste. Terra de boa vinhaça e da famosa Pêra Rocha!

Certo dia, aquele “pirralho” de meio metro (leia-se “euzinho”) decidiu pegar na bicicleta, por sinal, maior que eu, e vai descida abaixo!

O pormenor ainda mais curioso? A bicicleta, se não me falha a memória, nem travões tinha, ou se os tinha, acredito que não saberia para que serviria o dito, manipulo.

Já estás a imaginar o que aconteceu! Bicicleta para um lado e eu para outro. Só me lembro que terei ficado apoiado no ramo de árvore, ali no terreno do vizinho!

Minha mãe! E por aí, também existem histórias atribuladas, como esta que acabaste de conhecer? Conta-nos tudo, nos comentários!

Se quiseres ver a tua história, publicada aqui no blogue do MVaidoso envia-nos, através do e-mail: blogmvaidoso@gmail.com acompanhada de uma foto.

2 thoughts on “inMEMÓRIAS DE INFÂNCIA #1

    • Joaquim Gomes - Terapeuta – Sintra, Queluz, Portugal. – Terapeuta Holístico, Empreendedor, Instrutor e Mentor de Negócios Online. Utiliza técnicas como autoconhecimento, aromaterapia, cristais, cromoterapia, desenvolvimento pessoal, florais e numerologia. Ajudo pessoas a contruir e viver a vida que desejam com mais amor e equilíbrio físico, mental, emocional e espiritual. Realiza atendimentos online. www.joaquim-gomes.com
      Joaquim Neves by BlogMVaidoso |

      Olá @Raquel Carinha da Silva muito obrigado pelo comentário! A verdade é que foram estas quedas que nos fizeram mais fortes. Hoje em dia, as “nossas” crianças são tão protegidas como que colocadas numa cápsula, não as deixando viver o seu tempo e experiências. No nosso tempo, não havia este tipo de proteção. Beijos, continuação de bom fim de semana.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.